Reeducação Alimentar

Reeducação Alimentar: emagrece e ajuda a manter o peso

 

Vamos pensar em investir numa reeducação alimentar. Ela vai educar o seu organismo a comer bem e com qualidade nutritiva, nos horários e dose certa, incluindo exercícios para estimular o organismo na perda calórica. Faz um bem danado pra saúde e ainda ajuda a manter a forma. Você pode comer de tudo um pouco, mas, evitando ou não comendo as guloseimas que vão fazer a diferença na balança ou na sua saúde! A reeducação alimentar nada mais é do que um conjunto de mudanças de hábitos alimentares dentro da rotina de uma pessoa. Aliada a exercícios físicos e muita hidratação, vão deixar seu organismo com um metabolismo ótimo, evitando, assim, o ganho de peso e facilitando a manutenção da silhueta.

Reeducação alimentar

 

Como fazer a reeducação alimentar

Faça uma reeducação mental. Pense positivo, se anime, foque nos seus objetivos e acredite no melhor, que sua dieta vai funcionar! Tenha em mente que comer é para nutrir o corpo e não para se empanturrar. A ansiedade e o estresse podem ser inimigos, pois, o ato de comer serve para preencher um vazio que nunca se satisfaz. Tenha limites e procure alimentos saudáveis que irão fazer bem para o seu corpo.

O mais importante é traçar metas realistas de acordo com as suas limitações, de acordo com o seu ritmo de vida e hábitos diários. Aprenda a comer de forma adequada e saiba escolher e balancear os alimentos. A reeducação alimentar não é um regime ou uma dieta específica, o processo é mais lento, mas, dá resultados permanentes. Emagrecer com saúde é a melhor forma de manter o peso. Pratique atividades físicas diárias, elas ajudam a criar músculos e aumentar o metabolismo, grande aliado no emagrecimento.

 

Dicas de reeducação alimentar

  1. Regule os horários para se alimentar: coma de 3 em 3 horas em menor quantidade e com qualidade nutricional. Não pule refeições e coma devagar. Divida-as em 5 ou 6 porções por dia.
  2. Mantenha-se hidratada: tome pelo menos 2 litros de água por dia para acelerar o seu metabolismo e ajudar a queimar as gordurinhas.
  3. Acrescente nas refeições:
  •  frutas menos calórica, como a maçã, melão, melancia, laranja, morango, tangerina, mamão e pera. Elas vão aumentar a saciedade, principalmente se forem ingeridas antes das refeições.
  • legumes e verduras aumentam a saciedade então devem ser ingeridos antes dos carboidratos.
  • grãos integrais que são fontes de gorduras saudáveis, aumentam a saciedade e controlam o colesterol.

 

Evite: doces e frituras diariamente, uma vez por semana, com moderação, pode comer sem peso na consciência.

Pratique atividades físicas: seja qual for que escolher o que não pode é ficar parada. Sedentarismo além de fazer mal a saúde, ajuda no ganho de peso. Uma caminhada de pelo menos 30 a 45 minutos por dia ajuda a fortalecer a musculatura, o organismo fica mais forte, funciona melhor, facilitando a digestão e o emagrecimento e você se torna um CASO DE SUCESSO.

Nutróloga Liliane Oppermann explica a Reeducação Alimentar no vídeo abaixo:

Leia também: Dieta da USP vale a pena?

Gostou deste artigo? Compartilhe e deixe um comentário!

Reeducação Alimentar
5 (100%) 1 vote
Compartilhe este post

2 Comments

  1. É exatamente o que eu preciso pra emagrecer…

    Post a Reply

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: